terça-feira, 7 de janeiro de 2014

CLAUDIO CASTELO - EXPOSIÇÃO INDIVIDUAL NA LIVRARIA CULTURAL DO SHOPPING IGUATEMI - CADERNO CULTURAL A REVISTA


EXPOSIÇÃO DE CLAUDIO CASTELO PROLONGADA ATÉ 28 DE FEVEREIRO!!!! Galeria da Livraria Cultura do Sh. Iguatemi de São Paulo.
Exposição
CLAUDIO CASTELO - pinturas
Local: Galeria da nova LIVRARIA CULTURA do Shopping Center Iguatemi de São Paulo
07 a 31 de janeiro de 2014 – segunda a sábado das 10 às 22 h. Domingo das 14 às 18 h.
Claudio estará na galeria dia 09, quinta-feira, das 19 às 21:30
Curadoria de José Carlos Honório

  "EXPOSIÇÃO DE PINTURAS DE CLAUDIO CASTELO NA GALERIA DA LIVRARIA CULTURA DO SH. CENTER IGUATEMI DE S. PAULO, NA AV FARIA LIMA. ATE 31/01/14"

Claudio Castelo acrilica sobre tela 80 x 100 cm
Claudio Castelo
Claudio Castelo Filho (assina suas pinturas em acrílica sobre tela como Claudio Castelo) tem participado de exposições individuais e coletivas no Brasil, na Alemanha e na Inglaterra. Suas obras fazem parte de importantes coleções em São Paulo, Londres, Oxford (Inglaterra), Paris, Brest (França), Karlsruhe (Alemanha), Chicago, Miami, Los Angeles (Estados Unidos), Belo Horizonte, Curitiba, Londrina, Porto Alegre, Belém, Fortaleza, etc. e já foram publicadas em diversos livros e revistas de arte (várias edições dos Off-Gallery de Julio Louzada, 10 Artistas do Brasil, editado pelo BNP-Paribas, Galeria de Arte d’A Hebraica de São Paulo, etc., e já foram publicadas em matérias ou ilustraram artigos de Vogue, Casa Vogue, Vogue Alemanha, Espaço D, Casa Claudia, Viver Bem, Go-Where? SP, Caras, Veja São Paulo, O Estado de São Paulo, Vip, Elle, Playboy, Joy, A Gazeta de Pinheiros, Zero Hora de Porto Alegre, etc. Estão catalogadas em vários volumes do Dicionário Artes Plásticas Brasil de Julio Louzada. Claudio Castelo também é psicólogo clínico  formado pela USP, psicanalista, Membro Efetivo e Analista Didata da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo, Mestre em Psicologia Clínica pela PUC-SP, Doutor em Psicologia Social e Professor Livre Docente em Psicologia Clínica pela USP. Atua em sua clínica particular e dá aulas de pós-graduação. É autor de muitos artigos científicos publicados em periódicos e livros da área, no Brasil e na Itália, e autor do livro “O Processo Criativo: Transformação e Ruptura” (Casa do Psicólogo) e co-autor do livro Perdemos pessoas queridas, saúde, emprego... É possível aprender com essas experiências?” (Ed. Página Um).
Abaixo das imagens, segue o currículo artístico e alguns comentários de críticos e colecionadores
Exposições, Salões e Publicações

2013 (novembro-dezembro). Exposição individual no Espaço Arte Elizabeth Nasser, em Uberlândia, MG.
2012. (outubro) Participa da Affordable Art Fair, levado pela West Two Gallery, em Battersea, Londres, UK.
2012. (junho) Participa da Bloomsbury Art Fair, levado pela West Two Gallery, em Londres, Reino Unido.
2012. (maio) Claudio Castelo and Mariano Molina at the Sarah Wiseman Gallery, em Oxford, Reino Unido em colaboração com a West Two Gallery de Londres.
2011. (outubro/novembro) Exposição coletiva de Claudio Castelo, Tina Salvasen e Mariano Molima no WTG Autumn Show apresentado pela The West Two Gallery na La Galleria Pall Mall de Londres, Reino Unido
2007 - 2008. (dezembro a março) Exposição individual organizada pelo escritório de Arte de Rejane Tacchi no Restaurante Pepper de São Paulo.
2006. Novembro: Lançamento do livro “10 Artistas do Brasil” com textos de Enock Sacramento, organizado por Luís Caribe, e patrocinado pelo BNP-Paribas, em que participa com a reprodução de 10 telas.
2006. Novembro/Dezembro: Exposição coletiva 10 Artistas do Brasil concomitante e conseguinte ao lançamento do livro de mesmo nome no Espaço Lest Terrasses da sede do BNP-Paribas de São Paulo.
2006 – Junho: tem uma pintura sua ilustrando toda a superfície da capa da Revista Brasileira de Psiquiatria.
2006 – Ilustrações do livro “Casamento Prêt-à-Porter” de Alba Noschese.
2004 – Exposição Individual no Espaço Les Terrasses da sede do BNP-Paribas de São Paulo, situada à Av. Juscelino Kubistschek, 510, São Paulo, S.P.
2003/2004 – Participa da Coletiva “Artes e Artistas” no Museu de Arte de São Paulo (MASP), sede do Centro (Galeria Prestes Maia), de 18 de novembro de 2003 a 15 de janeiro de 2004.
2002 – Participa do Internationaller Kunst Markt de Dresden, Alemanha, levado pela Off-Gallery Jill Ewert de Karlsruhe, em abril.
2002 – Exposição Individual na Sede da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo, em junho.
2002 – Artista convidado com 11 (onze) obras (acrílica sobre tela) para a mostra “Crossing” de inauguração da OffGallery Jill Ewert, de 08 de março a 04 de abril,  em Karlsruhe, Alemanha.
2001 – Exposição Individual “Queens and Music Lovers” de 29 de setembro a 25 de outubro, no Wigmore Hall – Londres, Inglaterra.
2001 – Convidado a participar com um trabalho do leilão de pratos pintados por artistas para a Associação de Amigos do Museus Lasar Segall. Leilão em 25 de setembro no restaurante “Trio”.
2000 – Participa do Livro/Catálogo “Galeria de Arte – A Hebraica: 1997, 1998, 1999” - São Paulo, S.P.
2000 - Participa com onze obras do Livro Catálogo OffGallery Primavera 2000 – Arte Brasileira Contemporânea – Júlio Louzada Publicações, São Paulo, SP.
2000 – Participa com dez obras do Livro Catálogo OffGallery Smiles – Arte Brasileira Contemporânea – Júlio Louzada Publicações, São Paulo, SP.
2000 – Obra “Brisa” utilizada na Campanha “SINTA-SE BEM COM MOLICO” da McCann-Erikson/Nestlé, com 40.000 postais impressos e 50.000 encartes na revista ARTE E INFORMAÇÃO de agosto – São Paulo, SP.
2000 – Exposição Individual no Restaurante Kabuki – São Paulo, SP.
2000 – Exposição Individual na Galeria Arte&Fato – Porto Alegre, RS.
2000 – Exposição Individual  - Salão de Exposições da Biblioteca Municipal Alceu de Amoroso Lima – São Paulo, S.P.
1999 – Participa com dez obras do Livro Catálogo VI OffGallery - Arte Brasileira Contemporânea – Júlio Louzada Publicações, São Paulo, SP.
1999 – Obra usada para ilustrar matéria da revista VIP – EXAME – Editora Abril – São Paulo, S.P.
1999 – Exposição Individual na SESC Galeria, São Paulo, S.P.
1999 – Exposição Coletiva do Acervo de Arte de A Hebraica, São Paulo, S.P.
1999 – Exposição Coletiva “Mostra Ano 2000/Brindar com Arte” – Meta 29 Espaço Arte – São Paulo, S.P.
1999 – Exposição Coletiva “Arte Brasília – Fim de século” – Galeria da LBV – Brasília, DF.
1998 – Participa com quatorze obras do Livro Catálogo V OffGallery- Arte Brasileira Contemporânea – Júlio Louzada Publicações, São Paulo.
1998 – Participa com dez obras do Livro Catálogo IV OffGallery – Arte Brasileira Contemporânea – Júlio Louzada Publicações, São Paulo.
1998 – Obras publicadas nas revistas ELLE /junho – PLAYBOY /outubro – Editora Abril – 6 telas, incluindo uma página dupla para uma ficção – São Paulo.
1998 – Obra usada para ilustrar o livro de poesias “Ri Melhor Quem Ri Primeiro” da Cia. das Letras.
1998 – Obra publicada na revista GO WHERE? – número 13 – Editora United – São Paulo, S.P.
1998 – Exposição no “Primeiro Concurso de Artes Plásticas Open Studio - Artistas em Movimento”- União Cultural Brasil- Estados Unidos, São Paulo, S.P.
1998 – Exposição Individual na Galeria de Arte da Hebraica, São Paulo, S.P.
1998 – Exposição Coletiva na galeria Bahiart de Londrina, Paraná.
1997 – V Prêmio Michelangelo – Exposição Coletiva de trabalhos selecionados no Centro Cultural São Paulo – São Paulo, S.P.
1997 – Obras publicadas na revista VOGUE  números 239-A e 240 e GQ de novembro – Carta Editorial.
1997 – Exposição Individual de Pinturas no Espaço Cultural do Esporte Clube Pinheiros – São Paulo, S.P.
1997 – Exposição Individual – Espaço Cultural do Banco Central do Brasil – São Paulo, S.P.
1997 – Exposição Coletiva organizada pelo Núcleo de Psicanálise de Marília – Marília, São Paulo.
1985 – Prêmio Chandon de Arte – Exposição Coletiva de trabalhos selecionados no Museu da Imagem e do som – MIS – São Paulo, S.P.
1984 – Medalha de Bronze – Concurso Universitário de Artes Plásticas da Faculdade e Conservatório Marcelo Tupinambá, Exposição Coletiva de Premiados, São Paulo.
1984 – Exposição Individual no Espaço cultural OFF – São Paulo, S.P.
1983 – Prêmio Pirelli de Pintura Jovem – participação na Exposição de pinturas finalistas no Museu de Arte de São Paulo – MASP – São Paulo, S.P.
1982 – Exposição Individual de Pinturas na Art Jeune, Galeria de Arte da Aliança Francesa, São Paulo, S.P.

Comentários de críticos e colecionadores
Claudio Castelo
“Um jovem talento que surge na pintura brasileira” – Dr. Chaim José Hamer – colecionador

“Claudio Castelo não é um artista irônico. Ao contrário, o drama, as poses, o frisson com que recheia seus personagens plenos de humanismo, de cumplicidade e de compaixão pelas pessoas. Com seus pequenos fingimentos sublinhados, a pintura se enche de verdade.”
Kátia Canton – crítica de arte, PHD pela Universidade de N. York e curadora do Museu de Arte Contemporânea da USP.

“Um observador arguto da sociedade contemporânea. Assim pode ser definido este pintor que, pela primeira vez mostra seu trabalho em Porto Alegre. Certamente o espectador não ficará indiferente diante da intensidade das cores e a vivacidade das figuras de Claudio Castelo.”
Décio Presser, jornalista e co-autor do Dicionário de Artes Plásticas do Rio Grande do Sul.

“Possuidor de uma técnica apurada, meticulosa e requintada, Castelo emprega em suas telas cores puras e brilhantes. Em estilo que se aproxima do expressionismo realista, explora temáticas de cenas alegres e luxuosas, que lembram os antigos cartazes e atingem o espectador, recriando a atmosfera da Belle Époque e da sociedade contemporânea.”
Meiri Levin, artista plástica e curadora da Galeria de Arte d’ A Hebraica de São Paulo.

“Straordinaria la qualità dei tratti e della ‘pittura’ che Claudio usa, con grande maestria, per realizzare nei suoi personaggi di un mondo borghese, la tagliente ironia e una critica sarcastica, con la stessa ‘intensità’ e con la stessa ‘intenzione’ di un Toulouse-Lautrec, quando riproduceva il vuoto del mondo dei cabaret di Parigi”.
Arcangelo Francavilla, leiloeiro e colecionador.

Claudio Castelo, a Brazilian artist residing in Sao Paulo, BR, was advised early on that ‘painting is dead’ and the contemporary artist should turn to other, evolving mediums. Fortunately, he followed his own path, which led him to Paris, India, Nepal, and back to his beloved Brazil, where he’s been exhibiting with acclaim since the early 1980’s. Castelo takes his inspiration from literature, particularly works from Proust, Tolstoi, Henry James, and Flaubert; as well as Greek tragedies, opera, theatre and even his favorite director, Luchino Visconti. His paintings are a visual transformation of his readings, his experiences and his travels.  His subjects remain true to the Belle Epoque era, yet they’re inflicted with Castelo’s signature of clean lines and a bold colour palette.
Byrna West – West Two Gallery, London, UK

Claudio Castelo began his career in the 1980s, his paintings appearing in collections and publications in Brazil and around the world. His large-scale works on canvas depict theatrical characters in flamboyant costume, caught in a narrative. Castelo takes his inspiration from literature, particular works from Proust, Tolstoy, Henry James, and Flaubert; as well as Greek tragedies, opera and theatre. His paintings are a visual transformation of his readings, his experiences and his travels.
Byrna West – West Two Gallery, London, UK


Claudio Castelo acrilica sobre tela 80 x 100 cm


Claudio Castelo acrílica sobre tela 80 x 100 cm


Claudio Castelo acrílica sobre tela 120 x 80 cm








CADERNO CULTURAL A REVISTA É UM ÓRGÃO DA
ENTRE EM CONTATO CONOSCO

______________________________________________________
______________________________________________________
Líbano Montesanti Calil Atallah