terça-feira, 6 de agosto de 2013

HALL BRASIL - CADERNO CULTURAL A REVISTA




"ENTRE MULHERES"

GALERIA BRIC A BRAC

CURADORIA DE VAGNER ANICETO















Planos de exposição:
• Plano Mais
Página pessoal (sub-site) - com sistema de mensagens + destaque na Home e na Galeria
Inclusão de 30 obras
Com taxa única anual - R$ 280,00

• Plano 10
Página pessoal (sub-site) - com sistema de mensagens + destaque na Galeria
Inclusão de 10 obras
Com taxa única anual - R$ 120,00

• Plano Livre**
Página pessoal - sem sistema de mensagens
Inclusão de 03 obras
Participação gratuíta


Termos de Adesão:
O Cadastro do Artista deve ser preenchido corretamente e estar sempre atualizado.

O artista não pode apresentar cópias de quadros ou de obras de artistas consagrados, como também utilizar recursos técnicos para cópias, de modo geral. A releitura de obras famosas deve constar no título do quadro.

As fotos devem ser frontais e abranger toda a área do quadro com o máximo de fidelidade de cor, imagem e foco. Não é permitido o uso de recursos técnicos para alterar tonalidades ou formas.

É necessário que o quadro tenha um título para que seja identificado.

A técnica deve ser definida como: pintura a óleo, acrílico, encáustica, tinta plástica, aquarela, carvão, pastel, nanquim, etc.
Se o quadro for pintado com uma técnica mista, com dois ou mais materiais, favor mencioná-los.

O tamanho do quadro deve ser baseado em sua medida exata (tela, painel, papel, madeira ou outros), sem as molduras.


O artista cadastra sua chave de acesso para a “Área do Artista” indicando seu e-mail e criando uma senha.
Essa área permite o controle dos dados e imagens (inclusão e alteração).
** O Plano Livre é promocional e poderá ser modificado conforme as metas do projeto.

Projeto Hall Brasil:
• Montar um mapeamento de atividades artísticas / culturais do Brasil e concentrar os que atuam na área como:
Artistas Plásticos, Galerias e Marchand.
• Integrar agenda de eventos de Associações, Núcleos, Fundações, Salões Oficiais e proporcionar oportunidades aos profissionais locais.
• Criar “rede de relacionamento e comunidade” entre os profissionais associados ao projeto.


Clique no botão “Concordo” para concordar com os Termos de Adesão
e com a divulgação das imagens dos quadros no site.
Seja bem vindo a Galeria Hall Brasil.

obs:
Prezado visitante: os eventos divulgados pelo HALL BRASIL estarão sempre atualizados e você pode acompanhar clicando sobre a opção Eventos logo acima, alguns deles se farão apresentados em nosso CADERNO CULTURAL, para ver abra-o e em seguida clic sobre seu Índice Geral.
______________________________________________________
______________________________________________________

EVENTOS


Curador
Antonio Carlos Suster Abdalla  


______________________________________________________
______________________________________________________


GALERIA LAURA ALVIM

A Galeria Laura Alvim, espaço da Secretaria de Estado de Cultura, sob curadoria de Glória Ferreira, inaugura, quarta-feira, 4 de dezembro, às 19h, a exposição "Sonar", do artista carioca Floriano Romano. São oito instalações sonoras, das quais seis inéditas, e 14 desenhos.

Floriano Romano [Rio de Janeiro, 1969] é um precursor em obras que combinam instalação, performance e som. Seu programa `Oinusitado`, na Rádio Madame Satã (2002-4), na Lapa, RJ, foi considerado excepcional em termos de artes visuais, música e poesia. Ele teve propostas sonoras transmitidas pela Rádio WKCR, Columbia, NY(2004), Rádio Student, Liubliana, Eslovênia (2006), Rádio Ressonance FM, Londres (2008), Rádio Mec FM, RJ (2005/2007).

"Sonar", segundo Romano, é “toda baseada em ruído”. Cabe definir ruído para as artes, com um trecho do texto do folder da mostra, assinado pela curadora:
“A palavra ruído, no senso comum, significa barulho, som ou poluição sonora não desejada. Adquire, porém, outros significados em diversas áreas. (…).Para Romano, além do aspecto político, por estar à margem e ser, assim, expressão desordenada, `o ruído é a expressão do mundo, é indeterminado, então ele toca direto nos sentidos, fala direto com os sentidos (...)`”.

Os trabalhos da exposição estão programados para não soarem ao mesmo tempo. O som de cada um cresce na medida que o do outro decresce.

São eles:
"O Estrangeiro" é um móvel com vinte gavetas, cada uma emitindo ruídos diferentes de cidades visitadas pelo artista;

"Radionovelas" se compõe de quatro a seis rádios antigos. De cada um sai uma curta história ficcional de autoria de Romano;

"Acusmata" batiza uma instalação de parede com uma cavidade, da qual partem ruídos gravados no cruzamento de ruas do centro da cidade do Rio. Acusmata é quem não percebe a origem de um som;

"Turbina" ficará na sala que dá para a praia de Ipanema. Tubos de PVC, perpendiculares à parede de 9m2, recobrem a superfície, onde se ouve o som do mar. Paisagem externa e som aqui se fundem;

"O Passeio" intitula 29 caixas de papelão que repercutem ruídos de atritos do corpo humano gravados por dois bailarinos dirigidos pelo artista;

"Kafka" tem três máquinas de escrever mecânicas, cujas teclas se movem sozinhas, acionadas por motores. O título se refere a uma cena do filme “O processo”, de Orson Wells, sobre o livro homônimo de Franz Kafka;

"Polipoesia" são criações em texto veiculados em monitores de TV;

Na área externa da galeria, está a instalação "Chuveiros Sonoros" com três duchas de piscina que “despejam” músicas cantadas no chuveiro por anônimos. A torneira regula o volume.

Os desenhos abstratos são feitos com fita isolante sobre papel. As linhas dialogam entre o bi e o tridimensional. São realizados como performances, sem projeto anterior, e remetem à trajetória do movimento do encontro de pessoas.

Biografia resumida
Floriano Romano se intitula “artista visual e sonoro”. Seu programa de rádio “Oinusitado” foi ponto de encontro da cena de arte sonora carioca de 2002 a 2004. Ele trabalha com intervenções urbanas e sonoras, abertas à participação e produzidas pelo próprio público. A partir do imáginário da multidão, produz objetos ou ações sonoras voltadas para os passantes.

Entre os prêmios e bolsas conquistados pelo artista estão: Prêmio Projéteis de Arte Contemporânea e o Prêmio Marcantonio Vilaça, da Funarte (2012); Prêmio Interações Estéticas da Funarte com o trabalho “Sapatos Sonoros” (2009) e Prêmio Projéteis de Arte Contemporânea com a performance "S.W.O.L, Sample Way of Life” (2008). Sua performance com a mochila sonora "Falante" foi premiada no Salão de Abril, Fortaleza, em 2007, e participou da coletiva "Futuro do Presente", no Itaú Cultural em São Paulo.

Em 2000-1 ganhou a bolsa de Artista Residente pela Câmara Municipal do Porto, Portugal, e, em 2008, a Bolsa de Estímulo às Artes Visuais da Funarte, com o projeto de intervenção urbana "Lugares e Instantes".

Entre várias outras mostras, Romano realizou, em 2011, o projeto INTRASOM no MAM Rio e participou das coletivas Panorama da Arte Brasileira no MAM SP e “Voces Diferenciales”, em Havana, Cuba. Em 2009 integrou a 7ª Bienal do Mercosul, “Grito e Escuta”. Esteve na “Mostra Desenho das Ideias” com a ação sonora “Crude”, de Guilherme Vaz, usando a arquitetura do museu como instrumento para executar a composição, e na “Mostra Absurdo”, com seus “Chuveiros Sonoros”. Romano participou da coletiva “Desenhos&Diálogos” em 2010, na Anita Schwartz, RJ, através de quem participou também da ArtRio de 2011.

"Sonar" Floriano Romano
Período: 04 de dezembro de 2013 a 09 de março de 2014
Horários: de terça a domingo, das 13 às 21h.
Local: Galeria Laura Alvim - Av. Vieira Souto 176 - Ipanema - RJ
Informações: (21) 2332-2017
Grátis
______________________________________________________
______________________________________________________



“Gravuras do Álbum de Xilogravuras”
Museu Olho Latino expõe gravuras doadas
pela Pinacoteca de São Paulo
O Museu Olho Latino apresenta a mostra de "Gravuras do Álbum de Xilogravuras" idealizado pela Ação Educativa Extramuros da Pinacoteca do Estado de São Paulo. A exposição acontece de 13 de janeiro a 14 de fevereiro no 1º andar do Fórum Cidadania e reúne 15 xilogravuras que foram doadas pela Pinacoteca do Estado de São Paulo ao Museu Olho Latino. O álbum de gravuras é resultado da ação educativa extramuros, tendo Augusto Sampaio como artista educador, desenvolvida pelo Programa de Inclusão Sociocultural (PISC), coordenado por Gabriela Aidar, do Núcleo de Ação Educativa da Pinacoteca.
Clique aqui para ler o release completo e acesse www.olholatino.com.br para ficar por dentro de mais novidades!
Atibaia , SP - De 13/01/2014 a 14/02/201
______________________________________________________
______________________________________________________



“Fachadas de Igrejas” - MASAC
 Descrição: O Museu de Arte Sacra da Arquidiocese de Curitiba – Masac abriga a mostra coletiva “Fachadas de Igrejas”, que traz diferentes olhares sobre as igrejas da capital paranaense, e permanece em cartaz até março de 2014. A exposição, com curadoria de Carlos Zemek, é composta por pinturas da artista plástica Neiva Passuello, da professora Celia Dunker e seus alunos. A mostra também conta com a instalação “Buscando a luz”, de Vanice Ferreira, e um poema da poetisa e escritora Elisabeth Inês Espinosa

Todos os dias: 11h30 às 16h
Feriado: 12h às 16h
Preço:
Entrada franca
LOCALIZAÇÃO

Endereço: Av. do Batel, 1440, Batel, Curitiba, CEP: 80402090
Onde: Quintana Café e Restaurante




A REVISTA É UM ÓRGÃO DA


______________________________________________________
______________________________________________________
Líbano Montesanti Calil Atallah